Conheça a dinâmica de uma Mesa de Operações

17.198 visualizações11 de jul. de 2017

hoje a idéia que eu não preparei uma apresentação vou contar um pouquinho e meu histórico no mercado e com isso a evolução eu tenho 20 anos de mercado comecei era pregão de viva voz ainda era aquela gritaria compra um contra o outro era parte de compra e venda de ações e na época eu entrei numa corretora 98 hoje o mercado começou a valorizar já sabe quando está ganhando descontando custo está no ganho só que lá atrás quando eu entrei qualquer a minha função os operadores fecharam os negócios eu tinha um mapa de operações e depois no final do dia eu precisava subir para a corretora tinha uns formulários que as ordens de compra lógico você tinha que abrir a ordem na mão conforme a hora que cada operador negociou e depois alguém digitar um sistema ons naquela época estava começando a falar de negociação eletrônica mas todo mundo falar pois não vai pegar o pregão é muito melhor tem espaço pra isso e aí tinha uma bolsa tava fazendo um teste na época com um sistema que era chamado o caps é uma tela preta nas letrinhas verdes e aí o pessoal colocava um dava a 2 3% do volume negociado e enfim era aí começou a evoluir muito depois foi surgindo ali os sistemas e hoje a gente chegou lá atrás a gente acha que a gente já conseguiu reunir o número de pessoas para falar de mercado para falar de bolsa para falar de algo extremamente restrito trabalhei tinha o funcionário de ninguém ou tinha perdido o emprego e tinha que se virar e acaba virando um operador então o pessoal ter algo com que a grande maioria deles faziam na época os operadores você sabia quem era quem então muitos deles ali eles ficavam esperando o mesmo fluxo de outras corretoras que entrava na roda de negociação para fazer um sinal aqui na boca já sabia que ele ia definir o mercado na época era pequeno com certeza ia puxar o preço o que esses caras faziam pega rápido os caras eram bons de sair comprando na frente comprei para fazer uma posição lá tem 300 para comprar lhe comprava 30 para ele daqui a pouco entrava o operador que tinha ordem grande e saiu raspando mercado começava com seus 300 subiu o preço da nova saída para aquele operador lógico que também os caras não era bobo nem nada ele também fazer um agrado por cara que que deu sinal para ter os parceiros tudo mais e tinham é operadores que só opera lá na molezinha informação tinha outros e via que o cara ia na cara e na coragem aí quando eu cheguei eu ouvirei auxiliar um cara que o apelido do cara campeão é campeão [Música] tinha muita poeira lá tinha muita brincadeira era um clima meio tenso então o negócio é mesmo de dor num bom muito bom português só que o cara não tinha disciplina bombom ronaldo o histórico do controlador do banco o início do do banco garantia ele operava ele pintava o banco garantia física ele tinha um patrimônio um pouquinho melhor e ocara pintava na fita e agora auxiliar de escape opções antigamente o vencimento de opções a telebrás e o vencimento de opções era igual hoje que é todo mês a terceira segunda-feira do mês antigamente tinha virado poc por vir a bauru opção que valia ouro que pode virar pó o vencimento ele foi lá e estava vendido gostava de operar vendido tanto que brincava que o dono da corretora bancava a margem ficar maior e até o final ganhou um milhão de dólares à garantia legal ganhou uma vai querer se aproximar dos caras de todo mundo e mandou entregar a caixinha para cada um entregou à caixa para cada um os caras abriram o que era uma casseta de chocolate isso não é lenda entregou a casseta de chocolate para cada um falou esse vencimento opções levar o imagina um cara grande tamanho cara deu outra eu passou um tempo que estava também sentindo agora ninguém me pega mais fiz um milhão de dólares em 2010 eu tô milhão de dólares que ele é bom ficar aqui comigo tal e aí você volta a operar ganhou de novo quebrou de novo aí ele decidiu sair da minha casa hoje ele toca um restaurante que a família deixou pra ele mas é um cara que era muito bom mas nenhum era interessante muito bons muito bons mesmo que o cara tava na cara e na coragem só ele só que sempre faltava disciplina é como o dinheiro gastavam demais não era e acaba quando pegar um momento ruim no mercado que o carro começava a perder ele tinha que se desfazer do patrimônio ou o cara não tinha uma disciplina não tinha um estoque não tinha um controle de risco e assim até falou triste hoje a maioria dessas pessoas que que eu comecei a trabalhar muitos que me ajudaram e quebrou desistiu do mercado por justamente por não ter controle vai falar mal pra você mas na verdade foi por falha por não buscar conhecimento ronaldo falou muito importantes caras operavam no filho hoje você consegue identificar o mercado está muito maior só que você precisa ter uma disciplina você precisa criar um método que estava acabando e na época é falar eu queria continuar na bovespa o pregão acho que isso vai acabar e aí comecei esse lado de um curso e uma prova teórica uma prova prática que era a prática da simulação mesmo num pregão viva-voz e tinha negociação dos cartões ajudou o curso a dor para mim é cara me deu uma força mesmo peguei subir para mesa e fui começar a atender os clientes que eram na época em um fundo de pensão que operava pela corretora vai ter nesse cara muito cuidado para pesados e vai ficar ligado pessoal no pregão viva-voz e vai ter ou sair conforme o papel que lhe pedi eletrônico português hoje muito grande ela ficava vale no mercado por uns três minutos não lembro exatamente mais três minutos eo direto – 100 mil e determinava o preço ou aí eu para pressionar o mercado aí eu falei cara que quer fazer se quer pegar na curva o que você quer fazer assim toma e sai pagando acima mas quanto eu tenho pra comprar e falou quanto tiver de venda bom começou os carros voando na não vai ficar aí – na época era mais ou menos iguais estagiário nessa fase a merda então todo cuidado e não vai ter menos ocorreu naquela área e que o cara estava inspirado no dia 200 milhões 1 real para cima e bateu o telefone desde então eu comecei a especializar mais essa parte de negociação eletrônica sair dessa primeira curva eu trabalhei que por cinco anos lá e aí tentei ficar um pouco fora do mercado pra quê fiquei muito viva voz talvez no futuro tal aí tentei comecei a faculdade foi estagiar no bradesco na época mas não gostei de nada a ver com o mercado acabei voltando e conhecia o filho de um dono de uma corretora pedir para estagiar lá por causa da faculdade essas coisas aí e aí na época não usavam um sistema que era chamada multi broker sistema que era basicamente a mesma cara e tinha algumas corretoras daewoo de corretoras que tinha o mesmo sistema o atendimento pessoal só que eu comecei a fazer na eu sempre também foi incentivado pelo im e opções estava vazia além do trabalho fazer um giro na física na época podia fazer um trabalho que no mercado um pouco do que estava enxergando um estrangeiro na compra tem um grande comecei meio que chamou o pessoal para o trabalho ele ver todo aquele projeto de popularização da bolsa passou por algumas evoluções até que num primeiro momento mais ligado ao site ou néné as ofertas públicas muita gente e até que a gente chegou nesse ponto agora de de ms na margem reduzida no contrato o contrato cheio dólares é muito mais acessível que tomou caminho porque queria ir à bolsa que não tinha capital e como a maioria das pessoas que estão começando e não tem ou ainda num criou um controle de risco metodologia a gente aprende também muito isso é um mercado que aí você vai aprendendo a lidar com isso muita gente começava o mercado de opções porque estava muito alavancado no termo acabou aqui também perdeu praticamente todo dinheiro é essa questão é interessante a margem reduzida ea atuação da corretora nessa parte do risco eu sei mas na verdade é um sistema porque está jogando vocês stop o sistema está bloqueado se não consegue operar é um momento que você vai parar vai repensar e vai vai de onde você errou e como você pode melhorar no caso do ronaldo é o cara do risco que ele fala né vai lá no quinto dia preocupa me encher o saco aqui vou ter que se preocupar no caso de vocês é a gente que xinga liga na mesa aqui estou para 70% ea gente explica com calma mas acaba que é um mecanismo que o protege muito vocês mesmo e é pra vocês não saírem do do jogo bom e hoje é o meu dia a dia falar um pouco do meu dia a dia depois de um tempo de mercado já tinha trabalhado com um corretor em 2013 o projeto legal querendo montar uma corretora acho que é um banco que vai dar todas as condições de fazer um belo trabalho eles esse convite para um pouco do projeto que ele pensava aceitei esse desafio então um trabalho muito forte e hoje sem dúvida nenhuma uma corretora que mais cresce no brasil e vou fazendo um belo trabalho junto com o responsável pela mesa desde as pessoas físicas sou responsável por essa parte de que até as pessoas físicas nessa questão no que diz respeito à mesa e também um livro mas hoje com o público institucional que é o público com ele a corretora também institucional tesouraria de um banco o cliente estrangeiro então a gente desenvolve um trabalho nessa linha lá que também a gente vem crescendo bastante e como que a dinâmica desse trabalho primeiro você tem que entender o perfil de cada cliente a cliente já falou já definiu que vai vai entrar no ativo já definiu o preço que só quer que você execute um trabalho um pouco mais de trabalho já tem mil coisas ali para estudar para fazer mil coisas para não gostar uma execução mas agora também está de uns tempos pra cá executar agilidade então também tem esse lado que a gente acaba que só monitora ali também o pessoal está executando a gente fica com um olho de olho mais ou menos na questão do risco também é porque são grandes posições também então você tem que ficar tomar cuidado pra olhar o nosso risco como instituição também com grande porque quanto maior também exposição de linate institucional para montar sujeito também a trocar o pé e o mercado encontrou para quebrar e quanto maior a exposição maior tamanho do cara maior o tombo também então a gente fica muito em cima disso é um trabalho muito forte de je preservar também o patrimônio do banco o patrimônio da corretora e aí o dia a dia que a gente conhece cada cliente e que a gente tem a gente fica tentando buscar liquidez para esses clientes fazer uma posição muito grande um determinado papel o uma posição muito grande em dólares daí nosso papel é tentar buscar os outros clientes que a gente tem na casa e tentar cada um fluxo porque quando ele já estudou já no cenário ele quer entrar na posição às vezes ele está com o nível de convicção ao time o mais rápido possível do outro lado o cara tem 10 mil lotes de dólares para comprar vezes se arruma venda nem da casa ele vai falar passa direto aí está fechado já mantém na posição vamos pra próxima ao mercado vamos olhar isso também é o melhor dos cenários para nós lá eu saio de um risco operacional de execução de 10 mil contratos ao longo do dia já uma borboleta só já fiz uma bela corretagem ou próximo boleto que eu tenho que tirar meu papel ali é buscar essas ordens retalhe buscar algo como aconteceu aí a bola as gravações saiu a notícia noite a gente se reuniu rapidamente sabe as posições que oferecer o maior risco na corretora ea gente de cinema vão atuar de forma só que nessas horas é aquela hora que também tem seu cliente tamanho do patrimônio do banco não tem jeito [Música] o dinheiro o mais sua posição mais correcta e vai gerar algo que não gosto de topal cliente sabendo que ele está saindo no prejuízo então não é algo que a gente gosta só que em alguns momentos a imagem dá um prazo para eles aberta é o cara por incrível que pareça institucionais e então para preservar seu patrimônio você tem que tomar a decisão e aí então uma outra coisa que eu sempre venho exponho aqui é uma dúvida que as pessoas têm também nesse caso o papel do corretor que estou falando eu faço papel do brooklyn que é o trailer o que é o brother vai lá e toma decisão ele opera o brother está executando quem está buscando as operações para que quando a gente achava que ele achava que o mercado ganhou muito dinheiro até teve um dia que ele tomou uma contramão porque também não tinha o controle de risco e deixou quase comprometeu com o patrimônio da minha avó do meu gol e aí foi tão desesperado que o nervoso que se descontrolou curiosamente ele resolveu ir lá com um sapato novo que ele tinha comprado e aí o sapato novo no pregão em nada será de pregão imagina um tabu pé do cara não era fácil é tomar um monte de prisão na oferta ele começou a achar que o sapato estava dando azar aí fui lá atirou o sapato diretor de pregão colocou a não não pode na verdade num jantar que não tinha controle nem imagina quando eu cheguei para trabalhar no pregão da água da chuva imagina o quanto é importante a gente quer passar aqui um pouco no nosso dia a dia que passa um pouco da nossa experiência pra vocês muito ea gente com um pessoal que é o profissional pessoal e hoje o que eu falo para vocês o seguinte a quantidade de informações que vocês têm à disposição assim o entenderem e tratarem como uma profissão quem gostou e quer se dedicar a isso eu acho que tem tudo aí pra se dar bem porque quando eu comecei lá atrás o que eu tinha de informação é muito pouco tinha experiência das pessoas e tem uma e tem algo que eu não esqueço até hoje que era um senhor o operador de uma corretora o cara tinha 98 anos 40 anos de mercado e de bengala compreendam que era a vida dele aquilo lá chamava nicolas falava com ele ele falava com o filho falar uma coisa mercado é o único lugar se você acertar nove e ruma e desde lá tudo na mão o cara girava pra ele tentou comprar além de opção cara fala ele já bati nessa tecla de controle emocional não apela a deus não adianta rezar porque pode ser que tem outro que reza mais forte você gravar uma performance consistente de acertar nove uma que você se você não tiver disciplina se você não souber a hora de parar e pensar você pode estar fora do jogo pra sempre eventos assim como hoje era a idéia gente vai estar à disposição a gente quer é trocar idéia com vocês a gente quer passar um pouco da nossa experiência de aprender com vocês e eu acho que é uma oportunidade única mesmo tanto pra gente é como como também a gente tirar as dúvidas de vocês num sobre o que a gente tem dúvida que a gente consegue ajudar bom então sim eu queria mais abrir para perguntas aí não atualmente a viver ou quem tem pergunta gentil mais fazer bate papo do que o conteúdo não é mesmo ei galera [Música] [Aplausos]

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments